×
Utilize aspas para busca exata.

Política de Cookies

Lorem ipsum dolor sit amet, consetetur sadipscing elitr, sed diam nonumy eirmod tempor invidunt ut labore et dolore magna aliquyam erat, sed diam voluptua. At vero eos et accusam et justo duo dolores et ea rebum. Stet clita kasd gubergren, no sea takimata sanctus est Lorem ipsum dolor sit amet. Lorem ipsum dolor sit amet, consetetur sadipscing elitr, sed diam nonumy eirmod tempor invidunt ut labore et dolore magna aliquyam erat, sed diam voluptua. At vero eos et accusam et justo duo dolores et ea rebum. Stet clita kasd gubergren, no sea takimata sanctus est Lorem ipsum dolor sit amet.

Lorem ipsum dolor sit amet, consetetur sadipscing elitr, sed diam nonumy eirmod tempor invidunt ut labore et dolore magna aliquyam erat, sed diam voluptua. At vero eos et accusam et justo duo dolores et ea rebum. Stet clita kasd gubergren, no sea takimata sanctus est Lorem ipsum dolor sit amet.

fechar

Política de Privacidade

fechar

Política de Uso de Dados

fechar

Notícias

Abrir Filtros

Blumenau terá Programa de Incentivo ao Uso de Energias Renováveis

Blumenau terá Programa de Incentivo ao Uso de Energias Renováveis

Na reunião online conjunta entre Diretoria e Conselho Deliberativo da Acib desta segunda-feira (7), o Núcleo de Energias Renováveis da Acib apresentou um Programa de Incentivo ao Uso de Energias Renováveis. A ideia foi levada ao Núcleo pelo representante brasileiro da agência de cooperação entre Blumenau e a cidade alemã de Weingarten, Marcelo Schrubbe, que participou do encontro para explanar a proposta. 

 

Schrubbe explicou que a proposta nasceu do projeto "50 Parcerias para o Clima”, do Governo Federal Alemão. A instalação de uma agência de energia em Blumenau  foi classificada como financiamento a fundo perdido, com recursos provenientes do governo alemão. O objetivo é fomentar a utilização e a cultura da utilização de energias renováveis.  

 

"Com a pandemia, tivemos que alterar um pouco o projeto. Concentramos os recursos destinados a ele em uma alternativa mais rápida, com um pouco menos de recursos, mas que vai garantir a continuidade do trabalho pelos próximos três anos”, explicou Schrubbe.

 

A parceria com o Núcleo é dividida em duas partes. São cerca de 66 mil euros provenientes do Poder Público para a instalação de placas de energia fotovoltaica em cinco escolas, mais a Prefeitura e o prédio do Cimvi (Consórcio Intermunicipal do Médio Vale do Itajaí). Em troca disso, a Prefeitura e o Cimvi manterão o escritório da agência pelos próximos três anos. A parceria com a iniciativa privada ser dará por meio de projetos em escolas privadas, por meio de uma cooperação com o Núcleo de Energias Renováveis.

Compartilhe: