Ampliação do aeroporto de Navegantes aguarda recursos federais

Ampliação do aeroporto de Navegantes aguarda recursos federais
14/11/2017

Ampliação do aeroporto de Navegantes aguarda recursos federais

O projeto de ampliação e modernização do Aeroporto Internacional de Navegantes ? Ministro Victor Konder foi apresentado à diretoria e ao conselho da Acib nesta segunda-feira (13). A apresentação foi feita pelo superintendente Luciano Porfírio de Oliveira Segura, que está sendo transferido, e pela nova superintendente Andréia Nandi. Um dos objetivos do encontro foi pedir o apoio da Acib junto aos representantes federais para a liberação da verba de R$ 40 milhões prometidas pelo ministro dos Transportes para este ano, destinada às indenizações de desapropriações das áreas necessárias para a ampliação – parte delas já ocupada ilegalmente. Além destes recursos, a União se comprometeu com mais três parcelas, somando ao todo R$ 150 milhões ao longo dos próximos anos.

Andréia Nandi lembrou que o aeroporto de Navegantes é segundo maior de Santa Catarina e a distância até o centro de Blumenau é de 54 km. São efetuadas uma média de 68 operações diárias. O aeroporto apresentou mais de 70% de crescimento entre 2010 e 2016 no número de passageiros. “Neste ano tivemos o melhor resultado já registrado no mês de outubro na história do aeroporto. Tivemos 68 voos extras no período do Oktoberfest. Com relação a cargas o valor acumulado até a metade de outubro deste ano ultrapassou a receita total de 2016”, observou. Entre as novidades estão os novos voos a partir deste mês para Galeão e Congonhas e em dezembro para Guarulhos, Campinas e Porto Alegre. Entre dezembro e janeiro começam novas rotas com Santos Dumont e Buenos Aires (voo diário da Azul e voos charter da Gol).

O novo projeto apresentado pela superintendente prevê uma área de embarque de 1200 m2, sendo que atualmente são 555 m2. A pista passará a ter 2600 metros, com novo terminal de passageiros, novo pátio e novos acessos. Atualmente, está sendo executada a obra do muro patrimonial de 8,5 mil metros para garantir a segurança. A previsão de conclusão do muro é janeiro de 2018. “Existe uma invasão em área verde cuja desapropriação é necessária para que a ampliação da pista ocorra. Em janeiro foi assinado um acordo R$ 150 milhões com o Ministério dos Transportes. Nossa ideia é que possamos garantir pelo menos R$ 100 milhões até o ano que vem”, explicou Andréia. Além do muro, a Infraero está executando a revialização da pista e das vias, obra de R$ 2 milhões com previsão de conclusão também em janeiro de 2018.

Além de adequação e melhorias no terminal de passageiros, o novo projeto prevê também a gestão e exploração das áreas comerciais existentes e a concessão para a iniciativa privada de um complexo logístico, edifício garagem e hotel.

O presidente da Acib, Avelino Lombardi, garantiu apoio da entidade, reforçando que o aeroporto de Navegantes é uma das prioridades das entidades empresariais do Vale do Itajaí. Solicitou que a Acib seja munciada com informações constantemente para que possa acompanhar o processo. Em dezembro haverá uma reunião com o Fórum Parlamentar Catarinense referente ao andamento das prioridades levantadas pelo movimento Voz Única e este tema voltará à pauta. A ACIN (Associação Empresarial de Navegantes) é a entidade responsável por acompanhar e monitorar o projeto dentro do Voz Única da Facisc Regional Vale do Itajaí e o padrinho da obra escolhido na reunião ocorrida em agosto na Acib é o senador Dalírio Beber.

Pular para o conteúdo