Comitê de Duplicação da BR-470 recebe superintendente do DNIT

Comitê de Duplicação da BR-470 recebe superintendente do DNIT
10/12/2018

Comitê de Duplicação da BR-470 recebe superintendente do DNIT

O Comitê de Duplicação da BR-470 e o Sindilojas Blumenau receberam nesta segunda-feira, dia 10, no Hotel Sesc do Salto do Norte, em Blumenau, o superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) em Santa Catarina, Ronaldo Carioni Barbosa, e o juiz federal Adamastor Nicolau Turnes.

Carioni apresentou aos participantes a situação atual das obras de duplicação no trecho entre Navegantes e Indaial, bem como o planejamento dos trabalhos para a rodovia em 2019. Já o juiz Adamastor explicou como estão sendo realizados e qual o resultado dos mutirões de conciliação promovidos pela Justiça Federal para desapropriar áreas destinadas à duplicação. Segundo o juiz, já ocorreram três mutirões de desapropriações, sendo que cerca de 100 imóveis dos 1200 necessários foram desapropriados até agora. Ele também enalteceu a pressão da sociedade e citou o trabalho da Acib neste sentido. Estão sendo priorizados os trechos do viaduto da Mafisa e do Badenfurt.

Ronaldo Carioni afirmou que em 20 de dezembro serão entregues 8 km duplicados. No primeiro semestre de 2019 serão entregues mais 4 km. O superintendente do DNIT ainda ressaltou que no próximo ano serão executadas mais obras do que ocorreu em 2018. A intenção é contar com a presença do presidente eleito Jair Bolsonaro na inauguração do trecho de 12 km que serão finalizados até o primeiro semestre do ano que vem. A previsão de Carioni é que os 70 km duplicados sejam entregues até 2022. O DNIT avalia ainda a possibilidade de fazer uma terceira faixa em alguns trechos. As ferrovias também foram defendidas pelo superintendente, dizendo que espera mais investimentos do novo governo nessa modalidade.

O Comitê da Duplicação da BR-470 foi criado no ano passado pelo Sindilojas Blumenau, com apoio de outras entidades, e tem como coordenador o ex-prefeito e consultor de empresas Felix Theiss.

Pular para o conteúdo