Governador garante que não haverá aumento de impostos em SC e anuncia investimentos na região

Governador garante que não haverá aumento de impostos em SC e anuncia investimentos na região
28/11/2017

Governador garante que não haverá aumento de impostos em SC e anuncia investimentos na região

Em evento organizado pelo Sintex, com o apoio da Fiesc, Acib e Intersindical Patronal, na semana passada, o governador Raimundo Colombo garantiu que não haverá aumento de impostos para o setor têxtil e de confecção em Santa Catarina. O anúncio foi recebido com palmas pelos empresários que lotaram o auditório do CEB ? Centro Empresarial Blumenau.

O presidente do Sintex, José Altino Comper, comemorou a decisão de manter benefícios para o segmento, como o do crédito presumido do ICMS. “O resultado de muitas empresas têxteis, sem os benefícios oferecidos hoje, seria impactado enormemente. Elas passariam de um pequeno lucro para o prejuízo, tirando, assim, sua competitividade, capacidade de investimentos e geração de empregos e renda”, ressaltou.

Colombo destacou em seu discurso que “aumentar impostos é o pior caminho”. Ele apresentou dados de que o Estado mantem incentivos anuais de aproximadamente R$ 600 milhões para o setor, mas que não adianta o governo arrecadar mais e a sociedade ir mal, gerar desemprego.

O prefeito de Blumenau, Napoleão Bernardes também trouxe boas notícias para o setor têxtil e de confecção durante o encontro. Ele revelou que na próxima semana será encaminhada à Câmara de Vereadores uma medida legislativa que evitará a bitributação no município com relação ao ISS. “Parece uma decisão óbvia, mas alguns municípios tiveram decisões divergentes. No entanto, aqui em Blumenau entendemos que o ISS é para o consumidor final e não aplicaremos a tributação nas facções”, destacou.

Infraestrutura

O vice-presidente regional da Fiesc para o Vale do Itajaí, Ronaldo Baumgarten Júnior, cobrou do Governo do Estado investimentos para a infraestrutura da região, especialmente a revitalização da Rodovia Jorge Lacerda em sua totalidade, envolvendo os municípios de Blumenau, Gaspar e Ilhota. “É difícil fomentar o desenvolvimento econômico nestas condições”, destacou.

Colombo afirmou que cobrará um ritmo melhor para as obras. “Todos os pagamentos estão em dia nestes cinco anos e irei solicitar relatórios sobre o andamento da revitalização, pois achei que alguns trechos estão atrasados”, afirmou.

Ele anunciou também recursos do Fundam (Fundo de Apoio aos Municípios) para o Centro de Convenções de Blumenau, que ficará anexo ao Setor 3 da Vila Germânica e para o Contorno de Gaspar, em um novo projeto a ser definido e licitado pela Prefeitura da cidade.

Segurança

Sobre o Complexo Penitenciário de Blumenau, Colombo afirmou que a obra, orçada em R$ 36 milhões, ficará para o ano que vem e anunciou aumento no efetivo de policiais militares em 2018, com lançamento de novo concurso público.

Pular para o conteúdo