Observatório Social de Blumenau faz apresentação do trabalho à ACIB

Observatório Social de Blumenau faz apresentação do trabalho à ACIB
27/06/2022

Observatório Social de Blumenau faz apresentação do trabalho à ACIB

Criado em 2011, o Observatório Social de Blumenau (Osblu) tem como uma das mantenedoras a Associação Empresarial de Blumenau (ACIB) e nesta segunda-feira (27/6) o presidente Marcelo Deschamps explicou aos diretores como funciona o trabalho da entidade civil.

A entidade atua em cinco grupos de trabalho: obras, educação, Samae, saúde e Câmara de Vereadores, o que corresponde a 85% do pessoal que trabalha no Poder Público municipal e 2/3 do orçamento. Nos últimos quatro anos foram 473 licitações acompanhadas e a diferença entre o orçado e o realizado chegou a R$ 106 milhões. “Temos uma estimativa de que 10% desse valor foi obtido pela atuação do Osblu”, explica o presidente Deschamps. De acordo com ele, o sentimento de que o sistema público está sendo observado, intimida o servidor que pensa em fazer algo errado. “Além da análise de editais de licitação, há também o trabalho in loco para fiscalização de obras públicas.” No Brasil, existem 137 Observatórios Sociais espalhados por 17 estados, na região do Vale e Alto Vale são nove.

O Osblu conta com 15 voluntários ativos, fora a diretoria e atua nos eixos ? gestão pública, educação fiscal, transparência e ambiente de negócios. Uma das constatações do Observatório é que a maioria das empresas que vencem as licitações em Blumenau não é da cidade. “Precisamos da ajuda da ACIB para desmistificar a ideia de que licitação é só para empresas de grande porte ou que a Prefeitura é uma má pagadora, por exemplo. Se mais empresas de Blumenau vencerem as licitações, será mais dinheirocirculando pela cidade”, avalia Deschamps.

Outro ponto que o presidente vê como crucial é a atração de mais associados para assim conseguir ampliar os focos de trabalho da entidade. O gasto mensal do Osblu atualmente é de cerca de R$ 9,3 mil.

A vice-presidente da ACIB, Christiane S. Buerger, elogiou o trabalho do Osblu e ressaltou a importância da entidade. “É um trabalho de muito respeito e necessário para a fiscalização do Poder Público da nossa cidade. A ACIB como mantenedora está aberta a apoiar e divulgar as ações do Osblu”, enfatiza.

Empresas ou pessoas físicas podem se associar à entidade. Para conhecer mais sobre o Osblu, entre no site.

Pular para o conteúdo