Prefeito e vice-prefeita de Blumenau participam da reunião da Acib

Prefeito e vice-prefeita de Blumenau participam da reunião da Acib
02/03/2021

Prefeito e vice-prefeita de Blumenau participam da reunião da Acib

A segunda reunião conjunta entre Diretoria e Conselho Deliberativo da Acib, ocorrida nesta segunda-feira (01/03), de forma online, contou com a participação do prefeito de Blumenau, Mário Hildebrandt, e da vice-prefeita Maria Regina de Souza Soar, que destacaram as soluções e encaminhamentos da Pandemia de Covid-19 em Blumenau.

No momento, o prefeito informou que a população está enfrentando mais um pico da pandemia. “Estamos passando por um momento complicado. Nesse novo pico a doença está atingido um público diferente, sendo grávidas e jovens. Nas UTI’s em Blumenau, estamos com 65 pacientes, destes, 42 são moradores de Blumenau e 23 de outras regiões”.

“A média móvel está sendo 232 casos. De todos os testes feitos no dia 01/03, cerca de 28,6 % deu positivo. Estamos com 1.880 casos ativos sendo monitorados. A procura por agendamentos de consultas, tanto na Vila Germânica quanto nos sete Ambulatórios Gerais, tiveram aumento de 67% comparado a novembro de 2020”, informou.

Hildebrandt ainda divulgou que, para evitar a superlotação nos hospitais da cidade, os atendimentos na Vila Germânica e em quatro Ambulatórios Gerais, estão sendo ampliados, passando a atender até a meia noite, de segunda a sexta-feira.

“Quero solicitar a mobilização de toda população e das empresas. Nosso grande desafio está sendo suspender as comemorações residenciais, aniversários, encontros, entre outros. Parando esse tipo de confraternização, conseguimos não mexer nas atividades empresariais na cidade”, apelou. “Sobre orçamentos, estamos disponibilizando R$ 2 milhões para os hospitais de Blumenau, no período de dois meses, sendo R$ 1 milhão para cada um, Hospital Santa Isabel e Hospital Santo Antônio”.

Segundo Hildebrandt, outro desafio está sendo reativar os leitos nos hospitais. “Hoje, temos 65 ativos, antes eram 94. Essa queda se dá por dificuldades de recursos humanos. Muitos profissionais estão se desligando dos hospitais. Vale lembrar que até o momento estamos garantindo atendimento a todos os moradores de Blumenau. Não estamos com falta de atendimento, mas 98% dos leitos de UTI’s estão ocupados”, informou a vice-prefeita de Blumenau, Maria Regina de Souza Soar.

“A realidade é que as pessoas relaxaram, não usam mais máscaras, não respeitam o distanciamento, não estão aferindo a temperatura e estão fazendo eventos clandestinos, e isso tudo se torna um agravante, aumentando os casos diariamente”, observaram Mário Hildebrandt e Maria Regina de Souza Soar.

Pular para o conteúdo